Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A dieta dos 365 dias

Blog de nutrição. Alimentação saudável. Receitas. Acompanhamento online.

Lanches simples, práticos e saudáveis para os mais pequenos (e que os adultos também podem, e devem, utilizar!)

20.09.19 | Gisèle Magno

PhotoEditor_20190919_140005314.jpg

De volta à escola, às rotinas, à correria do dia a dia. Agora com a primeira semana passada, e horários estabelecidos é altura de tratar das marmitas! É muito fácil nos deixarmos cair nos queixumes das crianças, na desculpa "mas os outros meninos levam bolachas, não quero que o meu filho seja diferente", nas publicidades enganosas e em corredores sem fim de pães de leite, bolachas, bolinhos individuais já embalados e pseudo fruta.

Na foto deixo uma série de sugestões saudáveis, económicas e práticas para as lancheiras:

- Pão integral ou centeio! É e será sempre uma das melhores escolhas, há versões mini que facilitam a pequenada na hora e comer, não ficam duros e não demoram tanto tempo a mastigar (sim, eu ouço isto muitas vezes em consulta, que o pão demora a comer, problema resovido!);

- Queijinhos individuais, proteína, cálcio e saciedade garantidas;

- Iogurtes líquidos, há muitas opções, vários sabores e dispensam a colher;

- Frutos secos (só gorduras boas para o cérebro, desde que não haja alergia, recomendo muito o seu consumo desde a infância);

- Fruta fácil de comer (banana e tangerina que são de descascar sem faca, ameixas e pêssego que podem ser comidos com casca, não sendo esta dura como na maça e pêra. Morangos/mirtilos/uvas/amoras também são excelentes opções); 

- Palitos integrais e tortilhas (que podem ter a cobertura de chocolate, não vem mal ao mundo por aquele pedacinho, fosse só esse o doce que a criançada come), muitos já em saquetas individuais, sabores diferentes, na versão simples também.

Tem de começar por alguém, então que comece por si! Uma alimentação saudável garante saúde, desempenho mental e físico e um crescimento saudável. Aliado a isto, não vamos esquecer a atividade física e lanço aqui um desafio: em vez de entupir todas as ruas próximas das escolas com carros mal estacionados, este ano, saiam de casa com tempo, estacionem mais longe e comecem o dia com uma pequena caminhada para deixar as crianças na escola. Sejam o exemplo!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.