Excluir Tag

Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A dieta dos 365 dias

Blog de nutrição. Alimentação saudável. Receitas. Acompanhamento online.

A dieta dos 365 dias

Blog de nutrição. Alimentação saudável. Receitas. Acompanhamento online.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Mensagens

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Consulta de Nutrição Presencial

Nutrição clínica, desportiva, vegetariana/vegan - V. N. de Gaia, Espinho

Acompanhamento Nutricional Online

Ideal para quem vive longe, tem horários confusos e falta de tempo. Não há mais desculpas para não cuidar de si, nutrição à distância de um "click"!

NOVO! Serviço de Ementas Personalizadas

Para ajudar a organizar o seu dia a dia e garantir saúde, equilíbrio e variedade à mesa!
14
Mai20

A família fica ou não de dieta?

Gisèle Magno

Nunca fez tanto sentido uma luta conjunta, uma entreajuda como agora. Queria que fossemos capazes de utilizar esta ferramenta pós covid 19.

 

Já faz algum tempo que tenho este tema em espera para escrever um pouco sobre ele. A ajuda da família. Não é raro, em consulta, perceber que se apenas um membro da família está a seguir um plano alimentar específico o resto da família tende a usar expressões como "ele é que está de dieta, não eu" "somos mais lá em casa, não vamos comer assim" "fazes tu as tuas compras" "comprei uma vez fruta, não comeu, apodreceu, não compro mais".

 

Assim é dificil. Assim é mesmo difícil. Trabalho com base em educação alimentar, portanto sugiro sempre que uma mudança de hábitos (e falo do tipo de alimentos a comprar, formas de cozinhar, não do plano alimentar em si) deve ser para toda a família. Isto é prevenção. Isto é saúde. E pode e deve ser para todos. Vamos parar com os planos radicais, com as dietas malucas e altamente restritivas. Uma alimentação equilibrada e saudável deveria ser prioritário para todos, independentemente do aspeto fisico. Comer bem faz bem. Traz saúde. Partilhe a sua experiência com a família e, família, apoie e acompanhe quem está na luta! 

29
Dez19

Experiência "a dieta dos 365 dias" na primeira pessoa - casos reais 4

Gisèle Magno

Mulher. 34 anos.

 

"Quando encontrei a Dra Gisele, já tinha tentado sozinha, estive em grupos no facebook de dietas especificas que me castravam dos hidratos fruta e até sopa. Cheguei a comprar todos os livros destas ditas dietas (que como é obvio resultavam muito rápido) mas que quando voltava a uma rotina alimentar tipica, voltavam todos os kgs perdidos. Foi numa pesquisa na internet que encontrei a dieta dos 365 dias, o que me motivava na altura era o meu casamento. Fui à primeira consulta, em novembro de 2017 na altura estava com 60kg.Como sempre fui exageradamente magra este peso deixava-me desconfortável e casar com 50kg tornou-se o meu objetivo. Como é escusado dizer, CONSEGUIMOS! Em Julho de 2018 subi ao altar com menos 10kg. E melhor ainda é que quase um ano e meio depois do casamento, sem qualquer restrição alimentar, ainda me sinto bem com o meu peso. Nas consultas a Dra vibra connosco com cada kg perdido e não nos "castiga" quando corre menos bem. Nunca me senti desmotivada. Foi sem dúvida das minhas melhores escolhas. E sugiro como uma excelente opção para as resoluções do novo ano que está aí à porta. SUPER RECOMENDO a Dra Gi a quem deixo um beijo enorme de gratidão."

22
Out19

Experiência "a dieta dos 365 dias" na primeira pessoa - casos reais 1

Gisèle Magno

Mulher, 30 anos.

 

"Conheci a Gi através da minha escola de pilates e até então já tinha passado por alguns nutricionistas, sem nunca ter atingido grandes resultados. Em grande parte por culpa minha, pois não conseguia cumprir um plano durante mais do que duas semanas.
Quando fui ter com a Gi sabia que precisava de perder algum peso. O stress do dia-a-dia, as viagens, a falta de tempo, o excesso de trabalho e a falta de sono levaram-me a descuidar os meus hábitos alimentares e infelizmente é muito mais fácil manter os hábitos maus do que voltar aos bons.
Na primeira consulta fizemos o normal: medições, pesagem e falamos um bocadinho dos meus hábitos e o que gostava ou não de comer. Confesso que estava um tanto cética pois já tinha tentado seguir alguns planos e efetivamente ficava aborrecida e desistia.
Surpresa: consegui seguir o plano da Gi sem qualquer dificuldade e, melhor ainda, sem sentir fome uma única vez. Se há coisa que detesto e não suporto é sentir fome!
Na consulta seguinte tive logo bons resultados e desde então os resultados nunca mais pararam de aparecer.
Sei que sou uma péssima paciente para os nutricionistas em geral: adoro comer, detesto cozinhar e viajo bastante. Ou seja, qualquer coisa que exija demasiado trabalho, tempo ou logística não encaixa no meu quotidiano. Não tenho horários convencionais e 90% das minhas refeições são feitas fora de casa.
No entanto, em 3 meses atingi os meus objetivos iniciais, sem grande esforço e com o maior prazer. Foi inacreditável.
A Gi foi sem dúvida uma peça chave na minha vida. Ensinou-me outra vez a comer, a saber lidar com as adversidades do nosso quotidiano e como nos adaptarmos a elas sem pôr em risco os nossos bons hábitos.
Posso dizer que tenho uma nutricionista 24h/dia, qualquer dúvida, qualquer questão, está à distância de uma simples mensagem no whatsapp e isso é tão importante no que toca ao acompanhamento!
Já passei por vários nutricionistas e, de longe, esta foi a minha melhor escolha. Planos reais para pessoas reais. Simples e eficiente 😊"

30
Jan18

Verão 2018 - comunicado !!

Gisèle Magno

Quem segue o blog, já sabe que por aqui não há modinhas! São 365 dias, a renovar todos os anos, de hábitos e cuidados com a saúde e a alimentação. Muito mais que uma dieta, um estilo de vida!

 

NO ENTANTO, não posso deixar de informar, a todos os que querem realmente estar no seu melhor no verão 2018, que está MAIS QUE NA HORA DE COMEÇAR !! Sem desculpas, com foco na meta que definir para si.

 

Faço nutrição online e presencial, se necessitar ajuda, pergunte-me como: adietados365dias@gmail.com. E conte com muitas dicas, receitas e ideias por aqui no blog! :)

 

#operacaoverao2018 em marcha! 

27
Nov17

Maior erro nutricional da época natalícia ...

Gisèle Magno

... ESPERAR QUE TERMINE PARA COMEÇAR A SEGUIR UM PLANO ALIMENTAR!

 

Se está a pensar perder peso, ou simplesmente melhorar os seus hábitos alimentares, não espere que passem as festas para começar. Tudo o que vai conseguir é ter uns quilos extra para queimar e menor motivação para começar.

 

É possível perder peso em qualquer altura do ano! Se começar agora, esteja certo que já irá notar e sentir diferenças até ao natal! E isso não quer dizer que vá sacrificar as suas festas em prol da boa forma. Isso quer dizer que ainda vai a tempo de aprender umas quantas estratégias nutricionais para balancear os extras típicos desta altura do ano, e que já irá seguir um esquema alimentar saudável nos dias não festivos, treinando o seu estômago e paladar para a mudança. E, se assim fizer, certamente terá liberdade dias 24 e 25 para festejar de mesa cheia! Equilíbrio é tudo!!

24
Nov17

Sobre dietas, sobre a dieta dos 365 dias

Gisèle Magno

IMG_20171118_165143.jpg

Já lá vão quase 10 anos como nutricionista, e nunca fiz uma dieta. Faço e fiz planos alimentares personalizados, adaptados, realistas, executáveis e para a vida! Trabalho com base na educação alimentar, na correcção de hábitos, na alteração de estilos de vida. Esforço e foco, nunca sacrifício! Trabalho para objetivos e resultados que leve para a vida. Se para si não fizer sentido, para mim também não faz sentido. Se não lhe der prazer a alimentação que faz, então não está bem feita. Se não encarar os seus planos com a frase "consigo fazer bem isto" então é para fazer de novo até acertar! Tem de se identificar com todo o processo, e este, tem de ser feito respeitando o seu tempo. Cada consulta vai levá-lo de encontro a um único caminho: que vá esquecendo o plano por sentir que o tipo de alimentação já faz parte do dia a dia, sem ter de pensar muito.

 

E é este o motivo do blog ser a dieta dos 365 dias, e tem funcionado, junte-se a nós! :)

22
Nov17

Sobre paladar, tamanho do estômago e educar-se do ponto de vista nutricional

Gisèle Magno

Sabe o que é difícil? Começar! Sei que muitas vezes assombra o pensamento de quem quer perder peso ou simplesmente alimentar-se de forma mais saudável, o fantasma do que comeria antes de iniciar este processo. E ISSO É NORMAL!

Para a grande maioria de nós, a comida menos saudável ou nada saudável é realmente muito atrativa e vem associada a dias felizes, dias de festa, jantares fora ... Ou ao nosso estado emocional "tive um dia tão mau, mereço um bolinho". E parece que este sentimento em relação à comida nunca vai desaparecer ... Mas vai!

Pense um passo de cada vez. Nunca terá (a não ser que tenha alguma doença que assim o determine) que deixar de comer por completo o que quer que seja. Vai ter apenar de aprender a guardar para as ocasiões festivas e em quantidades menores que o habitual e achar isso normal. E fazê-lo, mesmo que com algum esforço inicial, conduzirá a estas três mudanças no seu organismo:

 

1. ALTERAÇÃO DO PALADAR

Se limitar o consumo de "extras" o seu paladar vai "desaprender" estes sabores e habituar-se aos novos. Caso clássico é o açucar no café! O gosto pelo doce é inato, mas se o retirar por completo, o organismo percebe que já não existe e adapta o paladar, começando a tolerar e até gostar do amargo. Muitas pessoas, que se dizem "viciadas" em doces, comentam passado algumas consultas terem experimentado uma bolacha maria ou chocolate de leite depois de semanas sem, e acharem excessivamente doce! 

 

2. TAMANHO DO ESTÔMAGO

Se comer menos e melhor, se a cada refeição der ao seu corpo não o que quer mas o que precisa, o seu estômago verifica que não há necessidade de ter o tamanho "x" porque não vem mais comida, e adota o tamanho "y" mais pequeno e confortável. Quando isto acontecer, mesmo que queira exagerar, verá que o seu limite aparece muito mais cedo. E, o desconforto do enfartamento, fará com que passe a controlar quantidades sem sacrifício.

 

3. EDUCAR-SE NUTRICIONALMENTE

Comida pouco condimentada, doces sem açucar, pão escuro, café amargo, cozidos e grelhados, estufados em crú ... pode não ser o que sempre comeu, o que sempre gostou, mas se mantiver estes hábitos por tempo suficiente, verá que passa a gostar. Por vezes, só o sentir-se bem e em melhor forma motivam esta adaptação!

16
Out17

DIA MUNDIAL DA ALIMENTAÇÃO - 16 DE OUTUBRO!

Gisèle Magno

Provavelmente já leu ou escutou a famosa frase "somos aquilo que comemos". E não é que somos mesmo?

 

Aproveite este dia para refletir sobre a forma como se anda a alimentar, sobre a qualidade e quantidade dos alimentos que anda a ingerir.

 

Quanto mais pura e natural for a sua alimentação, mais energia e nutrientes bons vão circular no seu organismo, dando-lhe saúde, vitalidade e a sensação de bem estar geral.

 

Procure ingerir alimentos com o mínimo de processamento, de todos os grupos alimentares, de forma faseada ao longo do dia e, quando cozinhados, utilizando métodos simples.

 

Eduque-se a si, ao seu paladar. Crie rotinas para a casa, para todos. Pense num estilo de vida saudável e sustentável ao longo do tempo, e não numa lógica de dieta. Mude porque faz bem, e o que faz bem, vai ficar-lhe bem também! :) Pense nisto!

05
Out17

Faça dieta detox - mas não a si, à sua casa!

Gisèle Magno

Sobre as dietas detox, relembro post que podem ler aqui no blog.

Mas então o que é isto do detox à casa? A verdade é que não somos nós que temos de ser desintoxicados, mas sim as nossas dispensas e frigoríficos!

 

Livre-se de todos os alimentos/ingredientes que lhe podem prejudicar a saúde, que lhe estragam a dieta, tenha só à mão aqueles que pode e deve consumir de forma regular. E então o que fazer quando tem gente em casa ou apetece mesmo? Sair para comprar. A verdade é que, sobre este argumento, tenho de lhe perguntar: quantas e quantas vezes não comprou alimentos menos saudáveis para as possíveis visitas e acabou por consumi-los antes???

 

Deixo abaixo uma lista bem simples de alimentos que deve abdicar para começar:

- Alimentos processados (bolachas, bolos, chocolates, batatas fritas de pacote, snacks salgados)

- Óleos, caldos, manteigas, banha

- Carne vermelha

- Enchidos e fumados

- Refrigerantes e sumos

- Açucar (de qualquer tipo)

- Farinhas refinadas (branca) e derivados

- Lacticínios gordos e meio gordos

- Fruta em calda

- Alimentos pré preparados/confecionados

24
Mar17

Estufado de grão e cogumelos com brócolos e quinoa

Gisèle Magno

IMG_20170324_133427_299.jpg

Cada vez mais fã de cozinha vegetariana, incluo todas as semanas pelo menos 5 das 14 refeições sem carne nem peixe. Variedade é palavra de ordem no que toca a alimentação saudável. Esta combinação de alimentos, além de completa do ponto de vista nutricional, fica deliciosa! Experimente!

 

INGREDIENTES PARA 2 DOSES:

- 1 chávena de quinoa

- 12 colheres de sopa de grão previamente cozido

- 10 cogumelos frescos

- 1 cebola grande

- 8 pézinhos de brócolos

- 2 colheres de sopa de azeite

- orégãos qb

- sal qb

 

Coza a quinoa no dobro da água, reserve. Coza os brócolos em água com uma pitada de sal, reserve. No wok, coloque a cebola em fatias grossas e os cogumelos, regue com o azeite e uma pitada de sal, deixe cozinhar em lume brando. Quando os cogumelos estiverem quase prontos, junte o grão, polvilhe orégãos, e envolva bem a mistura.

Depois, é só servir, e bom apetite!!

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Mensagens

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Consulta de Nutrição Presencial

Nutrição clínica, desportiva, vegetariana/vegan - V. N. de Gaia, Espinho

Acompanhamento Nutricional Online

Ideal para quem vive longe, tem horários confusos e falta de tempo. Não há mais desculpas para não cuidar de si, nutrição à distância de um "click"!

NOVO! Serviço de Ementas Personalizadas

Para ajudar a organizar o seu dia a dia e garantir saúde, equilíbrio e variedade à mesa!